Sexta-feira, 4 de Setembro de 2009

De Marrakech a Ait-Benhaddou e Ouarzazate

Como escrevi no post anterior, conduzir à noite em Marrocos é por si só toda uma experiência, mais uma que faz daquele país um local especial.

Saímos de Marrakech em direcção a Ait-Benhaddou cerca das 18 horas e, como tínhamos aproximadamente 200 Km para percorrer, achámos que chegaríamos a Ait-Benhaddou às 8 ou 9 da noite. A ignorância era imensa...

Além de não termos ainda experimentado as estradas marroquinas com tudo o que as caracteriza, não sabíamos também que esse percurso é feito pela única estrada que liga Marrakech a Ouarzazate, estrada essa cheia de curvas e curvinhas pelo meio das montanhas. Tudo isto conjugado com camiões carregados até à alma e a andar à estonteante velocidade de 7 km/hora (não, não estou a exagerar...) fez-nos chegar a Ait-Benhaddou às 23h e 30m, mas na expectativa de qual seria a paisagem no dia seguinte ao acordar.

 


 A Curva e a contracurva na estrada para Ouarzazate :)

 

Ficámos hospedados numa Maison d'hôtes mesmo à entrada de Ait-Benhaddou, de seu nome Lokfel. Aconselho a visitar o site desta pequena casa de hóspedes e acreditem que as fotografias fazem justiça ao espaço: é mesmo assim! Lindo!

Apesar de termos chegados tão tarde e de sermos os únicos hóspedes naquela noite, tivemos direito a um óptimo jantar de Tagine Kefta (quem gosta de Kebabs vai adorar!), acompanhado de umas cervejas geladas e ainda sobremesa. Muito bom!

 

O jantar no Lokfel

 

Como tínhamos saído do carro carregados com as nossas malas, máquina fotográfica e os sacos das nossas compras em Marrakech, esquecemo-nos de trancar o carro. Alguém que estava a passar reparou e foi ao hotel avisar-nos. Espírito marroquino!:)

 

Na manhã seguinte, tínhamos um fantástico pequeno-almoço no terraço do Lokfel à nossa espera: pão, compotas, manteiga, sumo de laranja natural, café e bolo.

 

 Pequeno-almoço maravilha:))

 

 O terraço do Lokfel, em Ait-Benhaddou

 

Estar em Ait-Benhaddou é como ter entrado numa máquina do tempo. Quando finalmente pude ver aquele lugar emocionei-me de uma forma que racionalmente não consigo explicar. É lindo mas de uma forma simples e despretensiosa, e não é à toa que filmes como "Jesus de Nazaré", "A jóia do Nilo" ou "O Gladiador" tenham tido aqui o seu cenário.

Por 10 dirhams (cerca de 1 euro) pode-se visitar o seu interior e percorrer aquelas ruas, com casas cheias de pormenores e construídas com tijolos feitos de barro e palha. Junto ao Kasbah há ainda um leito de um rio, na altura seco, mas que pelo recorte das margens mostra ser enorme.

 

 

 

Kasbah de Ait-Benhaddou

 

 O que resta da arena do "Gladiador"

 

 Os belos dos tijolos de barro e palha a secar ao sol

 

Depois de mais um café numa esplanada com vista para o kasbah, seguimos para Ouarzazate, um percurso desta vez mais tranquilo, de apenas 30 Km.

Ouarzazate é uma cidade muito turística, onde estão os estúdios de cinema, que se podem visitar. Como não era essa a nossa onda, dedicamo-nos a passear um bocado e a apreciar a gastronomia local.

Na rua, ofereceram-nos chocolate pour la tete , convite que tivemos que declinar, pois aqui não se brinca com essas coisas!

 

 

 

Ouarzazate

 

 

Como na manhã seguinte iríamos seguir para o deserto, bebemos uns gins na esplanada do hotel e fomos dormir.

 

 

 TO BE CONTINUED...

 

sinto-me: com saudades du Marrocos...
publicado por daily às 19:56

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 24 de Outubro de 2008

...




I don't know you
But I want you
All the more for that
Words fall through me
And always fool me
And I can't react
And games that never amount
To more than they're meant
Will play themselves out

Take this sinking boat and point it home
We've still got time
Raise your hopeful voice you have a choice
You've made it now

Falling slowly, eyes that know me
And I can't go back
Moods that take me and erase me
And I'm painted black
You have suffered enough
And warred with yourself
It's time that you won

Take this sinking boat and point it home
We've still got time
Raise your hopeful voice you had a choice
You've made it now

Take this sinking boat and point it home
We've still got time
Raise your hopeful voice you had a choice
You've made it now
Falling slowly sing your melody
I'll sing along

 

publicado por daily às 14:14

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.now

. De Marrakech a Ait-Benhad...

. ...

.other days

. Julho 2015

. Junho 2015

. Julho 2014

. Junho 2014

. Fevereiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.pegadas

Website counter
love
cidades
queen
eat
travel